Páginas

quarta-feira, outubro 28, 2015

aniversário

era para eu ser elite burra você teve a terra dura era para eu acreditar na notícia você, foto na polícia era para eu saber com ganância você teve a arrogância eu não sou o que devia você é o que podia
não aceitar o fatal não são essas coisas mas as outras não é o mesmo mas o incerto para o poeta o ouro e o besouro são oradores do sem nome

Afonso Lima

Nenhum comentário: