Páginas

segunda-feira, junho 22, 2015

As Pinturas da Colina


Qual a origem da Canção do Caminho Vermelho? Imaginemos um grupo de caçadores coletores que descansam ao lado de uma ruína. É uma coluna avermelhada no alto de uma colina em meio a uma mata densa. Era onde os animais sobreviventes se reproduziram. Imagens com animais feitas à carvão com data de 15 mil anos atrás. Algumas gravações com ponta de sílex nas rochas e restos de madeira calcinada. De repente, uma criança descobre uma faixa vermelha no chão. Os pais seguem por ela, um cão descobre cavernas no subsolo. Animais pintados. Figuras mostrando grande número de animais mortos. Talvez uma catástrofe. Decidem se abrigar ali? Vestígios de fumaça no teto mostram que possivelmente cerimônias religiosas foram realizadas na caverna artificial. O caminho foi marcado por uma fileira de pedras pontiagudas. Próximo à coluna avermelhada, um objeto de metal representando abstratamente a forma humana com data anterior foi colocado sobre uma espécie de altar. O grupo de caçadores coletores deve ter ali formado uma aldeia, pois várias gerações parecem ter desenhado à carvão nas paredes dos túneis. Na Canção do Caminho Vermelho, uma deusa traz aos humanos as primeiras sementes e lhes ordena que sejam plantadas ao redor da coluna. A deusa conta a história de uma guerra, teriam sido dizimados os humanos da "antiga época", e os deuses teriam condenado os seres a uma era gelada. Todos eles teriam morrido, mas dois humanos ressuscitam. Quando a linguagem surge, a Canção do Caminho Vermelho, que deve ter sido cantada por séculos, é transcrita. Infelizmente, as primeiras versões da canção provavelmente foram feitas no couro de bovídeos (extintos). 

Afonso Lima

Nenhum comentário: