Páginas

sábado, julho 11, 2015

na quebrada

coroné do asfalto
faz assim
aplica a medida
não é nele que dói
no jornal só pretin
mau
a cidade precisa de
office-boy

coroné do asfalto
faz assim
não tá 100% ruim
vamos levando
livro é coisa
de playboy no meu plano
um cano e vou chorar é bom
pra mano
duas horas de busão
vai empilhando
e uma hora
de oração

coroné do asfalto
faz assim
tá ruim de dar escola
se falhar
manda atirar
tem mais presídio
em construção

coroné do mato
também testa sua fé
se falhar
manda atirar
fascismo confusão
não saber
quem se é
(coroné da economia
quer o monopólio
da alegria)

não tá fácil de liberar a verba
nada você é você ganha nada
pretin se é mau pra que policial?
mão de obra barata se joga na quebrada
esgoto e a liberdade de merda
ladrão pobre morre no chão
floresta de aço até a bala tá perdida
de avião ladrão rico viaja loka vida
mas é assim, nada não tem fim
não tá fácil de seguir a escravidão
o fundão já rima, esperança plantada
cada dia é um tijolo - em construção

Afonso Lima

Nenhum comentário: