Páginas

quinta-feira, março 16, 2017

Adeus ao imigrante

querido amigo

parece filme ficção

a lei esmaga o coração

romeu e romeu interrompido


o dia é seguido pela noite, a noite, pelo dia

quem imaginaria o preço a pagar

o que você sentia não existia para

a Imigração


hoje você foi ferido de morte

hoje toda a treva com passaporte

parece ficção não poder amar


um céu azul sempre vem

assim como a onda trouxe na praia esse presente

quem sabe o que poderá chegar?


Afonso Jr. Lima

Nenhum comentário: